skip to Main Content

Mercado editorial brasileiro continua em declínio no 5º período, aponta Painel das Vendas de Livros de junho

Painel das Vendas de Livros_Para site

Junho de 2016 – O mercado editorial continua apresentando um cenário negativo neste 5º período*, revela a edição do Painel das Vendas de Livros do Brasil apresentada este mês pelo Sindicato Nacional dos Editores de Livros (SNEL) e pela Nielsen. Comparado ao mesmo período no ano anterior*, observa-se uma queda das vendas em volume (-31,56%) e em faturamento (-23,03%) no setor, evidenciando a ausência de um fenômeno de vendas, como o dos livros de colorir, além da instabilidade econômica que o país enfrenta.

Mesmo em uma simulação comparativa entre 2016 e 2015 no mesmo espaço de tempo*, excluindo as vendas dos títulos de colorir do total do 5º período de 2015 (17,61% das vendas em volume e 14,48% do faturamento), o resultado ainda é desfavorável, com retração de -16,93% em volume e ganho de apenas 10% em valor.

Analisando os números acumulados** das 20 semanas transcorridas, a apuração permanece em alerta. Ao relacionar o mesmo acumulado de semanas com 2015, o resultado é negativo em volume (-15,91%) e em valor (-6,45%). Considerando a inflação de 9,32%, a variação real foi de -14,42%, mesmo mantendo o crescimento do preço médio oferecido (+11,25%).

O estudo tem como base os resultados levantados pela Nielsen BookScan Brasil, que, a pedido do SNEL, apura as vendas das principais livrarias e supermercados no país, com o objetivo de dar mais transparência à indústria editorial brasileira. Confira aqui a pesquisa na íntegra.

* T. Mercado – Período 5: 2015 (20/04 a 17/05/2015) x 2016 (25/04 a 22/05/2016)
**T. Mercado – Acumulado WK01 / WK20: 2015(29/12/2014 a 17/05/2015) x 2016 (04/01 a 22/05/2016)
Fonte: Nielsen | Nielsen BookScan

Back To Top
Skip to content