skip to Main Content

Nono período do mercado editorial em 2016 mantém desempenho estável, segundo pesquisa SNEL/Nielsen

Painel das Vendas de Livros_Para site

Outubro de 2016 – O nono período* de 2016 do mercado editorial brasileiro seguiu o ritmo do anterior, apresentando performance estável. A variação negativa em valor foi de apenas 0,03% e o volume foi 1,61% maior.

Entretanto, comparado à mesma época em 2015, o nono período teve queda nas vendas em volume (-8,03%) e resultado negativo também em faturamento (-3,09%), apesar do crescimento do preço médio, que foi de 5,69%.

A semana de encerramento da Olimpíada foi responsável por impactar o desempenho de todo o período (registrando -8% em valor e -16% em volume), quando comparado à média de vendas total do tempo analisado.

“A semana 33 foi a vilã do período. Em uma situação hipotética, em que a performance na semana é igual à média das outras 3 semanas do período, a variação seria de 0% em valor e -3% em volume”, comenta Ismael Borges, gestor do Bookscan no Brasil.

No acumulado do ano**, ainda que com resultados negativos, o quadro de recuperação em comparação às análises anteriores continua: -13,50% em volume e -4,64% em faturamento.

Esses são alguns dos dados do 9º Painel das Vendas de Livros no Brasil em 2016, apresentados pelo Sindicato Nacional dos Editores de Livros (SNEL) e pela Nielsen. Os números têm como base o resultado de Nielsen BookScan Brasil, que apura as vendas das principais livrarias e supermercados no país.

Confira o estudo na íntegra aqui.

* T. Mercado – Período 9: 2015 (10/08 a 06/09/2015) x 2016 (15/08 a 11/09/2016)
**T. Mercado – Acumulado WK01 / WK36: 2015 (29/12/2014 a 06/09/2015) x 2016 (04/01 a 11/09/2016)
Fonte: Nielsen | Nielsen BookScan

Back To Top
Skip to content